Dicionário Aegis de Design

(Resultado para atuação Cineasta)

LUMIÈRE, (irmãos)
(Auguste e Louis Lumière)

ATUAÇÕES: Cineasta, Inventor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1862 - Nasce Auguste Marie Louis Nicolas Lumière, em Besançon, na França.

  • 1864 - Nasce Louis Jean Lumière, em Besançon, na França.

  • 1880 - Ingressam em La Martinière, uma das maiores escolas técnicas de Lyon. Nessa mesma época começam ambos a trabalhar na empresa do pai - Charles-Antoine -, voltada para materiais e serviços fotográficos.

  • 1881 - Louis começa a experimentar com os equipamentos do processo fotográfico. Descobre, então, um novo processo de placa seca que ficou conhecido como Etiquette Bleue. Trata-se de um avanço para o desenvolvimento da fotografia e para o sucesso comercial da empresa da família.

  • 1894 - Após entrarem em contato com o Cinetoscópio, de Thomas Edison, os Irmãos Lumière se empenham em aprimorar um aparelho que permitisse a projeção de imagens animadas para várias pessoas ao mesmo tempo. Constroem, assim, o Cinematógrafo, aparelho relativamente leve que podia funcionar como câmera ou projetor, acionado por uma manivela.

  • 1895 - Realizam a primeira demonstração ao público, paga, de seu cinematógrafo, no Grand Café, em Paris. Na ocasião exibem cerca de 10 filmes realizados no mesmo ano, dentre eles: La sortie des usines Lumière, Arrivée du train en gare de La Ciotat e L’arroseur arrosé, considerado uma das primeiras ficções do cinema.

  • 1896 - Abrem salas de projeção do Cinematógrafo em Londres, Bruxelas e Nova York.

  • 1899 - Louis desenvolve o Photorama Lumière; um método de fotografia panorâmica, que permitia a reprodução completa do horizonte (360º) em uma única foto e, posteriormente, a projeção dessa foto numa tela em formato cilíndrico.

  • 1900 - Participam da Exposition Universelle de Paris, onde projetam seus filmes numa tela gigante de aproximadamente 30 x 24 metros.

  • 1903 - Os Irmãos Lumière começam a pesquisar e desenvolver um processo de fotografia em cores, que fica conhecido como Autochrome Lumière. Nessa época eles começam a se distanciar do negócio cinematográfico.

  • 1907 - Começa a ser comercializado o autocromo, que se tornou o principal processo para a obtenção de fotografias coloridas durante o início do século XX até meados da década de 1930. Nessa mesma época, Auguste começa a se afastar dos negócios para se dedicar à pesquisa no ramo da medicina.

  • 1920 - Após algum tempo dedicando-se ao estudo da imagem em 3D, Louis apresenta o seu photostéréosynthèse, um método estereoscópico de fotografia, na Académie des Sciences.

  • 1935 - Louis supera uma de suas invenções fotográficas anteriores e, explorando a técnica dos anáglifos, desenvolve uma aplicação estereoscópica para a realização de filmes.

  • 1948 - Morre Louis Lumière, aos 83 anos, em Bandol, na França.

  • 1954 - Morre Auguste Lumière, aos 91 anos, em Lyon, na França.

MÉLIÈS, Marie-Georges-Jean
(Georges Méliès)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1861 - Nasce em Paris, na França.

  • 1880 - Forma-se no Lycée Louis-le-Grand, em Paris.

  • 1884 - Méliès muda-se para Londres – a pedido do pai -, para estudar inglês, a fim de expandir o negócio de sapatos da família. Permanecendo lá por um ano, entra em contato com apresentações de ilusionismo.

  • 1888 - Com a aposentadoria do pai, Georges vende sua parte do negócio da família e compra o Théatre Robert-Houdin, onde trabalha em tempo integral como showman teatral, com performances de mágica e ilusionismo.

  • 1895 - Méliès assiste à exibição do Cinematógrafo dos Irmãos Lumière, fica interessado e faz uma proposta (que os irmãos rejeitam) para comprar o aparelho.

  • 1896 - Após estudar a câmera e o projetor de Robert Paul em Londres, Méliès monta a sua própria câmera. Nesse mesmo ano ele começa a fazer filmes, sendo o primeiro deles Une Partie de Cartes.

  • 1897 - Abre seu próprio estúdio, Star Film, em Montreuil. Feito em grande parte de vidro, com persianas difusas a fim de controlar a entrada de luz, o estúdio tinha as mesmas dimensões do Théatre Robert-Houdin, 6 metros x 17 metros, e continha tudo o que Méliès precisava para a execução dos truques de seus filmes.

  • 1898 - Méliès continua experimentando com efeitos e cortes em seus filmes, nesse ano ele produz o primeiro filme com dupla exposição, La caverne Maudite; o primeiro com split screen: Un Homme de têtes; e o primeiro filme com efeito de transição dissolve: Cendrillon.

  • 1902 - Realiza o filme Le Voyage dans la Lune, considerado um dos primeiros filmes de ficção científica da história do cinema, e um dos maiores e mais elaborados filmes produzidos por Méliès.

  • 1913 - Sua produção não consegue acompanhar as mudanças da indústria cinematográfica, tanto em ritmo de produção quanto em conteúdo, e Méliès acaba por abandonar o cinema e retorna à carreira de ilusionista.

  • 1915 - Méliès vende o Théatre Robert-Houdin, e transforma seu estúdio de Montreuil em teatro de variedades.

  • 1923 - Decreta falência e é obrigado a vender seu antigo estúdio e a se desfazer de seu acervo, cenários, figurinos e, inclusive, muitos dos negativos de seus filmes, que acabaram destruídos ou vendidos como material para fazer sola de sapatos. Nesse mesmo ano seu antigo teatro, Robert-Houdin é demolido como parte de um projeto de construção de estradas.

  • 1925 - Méliès casa-se com uma ex-atriz de seus filmes - Jeanne d'Alcy -, e começa a trabalhar na loja de brinquedos que ela possui dentro da estação de trem, em Montparnasse. Pouco tempo depois, Georges Méliès sai do ostracismo ao ser reconhecido por Léon Druhot, editor da publicação Ciné-Journal.

  • 1929 - Diversos filmes de Méliès são redescobertos e restaurados, sendo exibidos numa retrospectiva organizada por Jean-Paul Mauclair.

  • 1931 - É condecorado com a Légion d’Honneur, por seu trabalho cinematográfico.

  • 1938 - Morre aos 76 anos, em Paris, na França.

WARHOL, Andy
(Andrej Varhola Jr.)

ATUAÇÕES: Designer, Cineasta, Autor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1928 - Nasce em Pittsburgh, Pennsylvania.

  • 1934 - Faz alguns cursos livres no Carnegie Institute (hoje The Carnegie Museum of Art).

  • 1945 - Estuda na Carnegie Institute of Technology (hoje Carnegie Mellon University), formando-se Bacharel de Belas Artes em 1949.

  • 1949 - Muda-se para Nova York, onde sua carreira começa com seu primeiro trabalho na revista Glamour. Ao longo dos anos 50 ele recebe vários prêmios pelo seu trabalho.

  • 1956 - Faz uma viagem ao redor do mundo durante suas férias.

  • 1961 - Faz suas primeiras pinturas Pop. Durante esse ano, começa a ficar famoso. Fez a série Campbell’s Soup Can, depois a sequência de artistas de cinema, entre eles Marilyn Monroe e Elvis Presley.

  • 1963 - Produz e dirige vários filmes até 1968, entre eles Empire (1964), The Chelsea Girls (1966), e Screen Tests (1964-66).

  • 1964 - Sua primeira exposição de esculturas, entre elas as Brillo Boxes, e as Heinz Boxes. Nessa ocasião, ele inaugurou seu estúdio, pintado de prata, denominado "The Factory".

  • 1967 - Começa a publicar seus livros, dentre eles estão Andy Warhol’s Index (1967), THE Philosophy of Andy Warhol (From A to B and Back Again) (1975), Exposures (1979), POPism (1980), America (1985), The Warhol Diaries (1987), entre outros.

  • 1968 - É baleado pela autora Valerie Solanas.

  • 1969 - Co-funda a revista Interview dedicada ao cinema, moda e cultura popular.

  • 1974 - Começa uma série de Cápsulas do Tempo: caixas de papel que ele enchia com inúmeros materiais da sua vida cotidiana, como cartas, fotos, roupas, entre outros.

  • 1984 - Colabora com os artistas Jean-Michel Basquiat, Francesco Clemente, e Keith Haring.

  • 1987 - Realiza suas últimas exposições com suas séries Last Supper e Sewn Photos em janeiro. Falece um mês depois.

LICHTENSTEIN, Roy
(Roy Fox Lichtenstein)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1923 - Nasce em Manhattan, Nova York.

  • 1997 - Morre de complicações causadas por uma pneumonia.

Ooops!
Não encontramos resultados
com essa pesquisa.