Dicionário Aegis de Design

(Resultado para Glasgow Style e suas conexões)

  • Glasgow Style

    MovimentosAcessar
  • Charles R. Mackintosh

    PersonagensAcessar
  • Frances MacDonald

    PersonagensAcessar
  • James Herbert Mcnair

    PersonagensAcessar
  • Jessie Marion King

    PersonagensAcessar
  • Margaret MacDonald

    PersonagensAcessar
  • Talwin Morris

    PersonagensAcessar
  • De Courcy Lewthwaite Dewar

    PersonagensAcessar
  • Edward Arthur Walton

    PersonagensAcessar
  • Francis Henry Newbery

    PersonagensAcessar
  • George Henry

    PersonagensAcessar
  • James Guthrie

    PersonagensAcessar
  • Jessie Wylie Newbery

    PersonagensAcessar

MACKINTOSH, Charles R.
(Charles R. Mackintosh)

ATUAÇÕES: Arquiteta(o), Designer
 A influência de Mackintosh pode ser percebida nos complexos e delicados ornamentos de ferro fundido de Antoni Gaudí, encontrados em diversas de suas construções em Barcelona. Também pode ser vislumbrada nas peças de Hector Guimard, que ainda adornam o Metrô de Paris.”
TODD, Pamela. [2004]
The Arts and Crafts Companion.
London, Thames & Hudson.
 CRONOLOGIA: 
  • 1868 - Nasce em Glasgow, Escócia.

  • 1883 - Ingressa na Glasgow School of Arts.

  • 1884 - Torna-se aprendiz do arquiteto John Hutchison, trabalhando ao seu lado por cinco anos.

  • 1889 - Trabalha no escritório Honeyman & Keppie, onde conhece Herbert MacNair.

  • 1894 - Realiza projetos com MacNair e as irmãs Margaret e Frances Macdonald. Juntos, eles passam a ser conhecidos como o grupo “The Four”.

  • 1895 - Projeta a Martyrs' Public School.

  • 1896 - Ganha o concurso para projetar o novo prédio da Glasgow School of Arts.

  • 1897 - Projeta a Queen’s Cross Church em Glasgow.

  • 1899 - Projeta a casa Windyhill em Kilmacolm, para seu amigo William Davidson.

  • 1900 - Casa-se com Margaret Macdonald.

  • 1902 - É chamado para construir a Hill House em Helesburgh, para o editor Walter Blackie.

  • 1914 - Muda-se para Londres, onde passa a trabalhar projetando móveis e fazendo design de interiores.

  • 1920 - Abandona a arquitetura para dedicar-se à pintura.

  • 1923 - Muda-se para Port Vendres, sul da França, onde pinta uma série de aquarelas.

  • 1928 - Morre em Londres, aos 60 anos, vítima de câncer.

MACDONALD, Frances
(Frances MacDonald)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1873 - Nasce em Staffordshire, na Inglaterra.

  • 1891 - Entra para as aulas de pintura na Escola de Arte de Glasgow junto de sua irmã, Margaret. É lá onde conhecem o arquiteto Charles Rennie Mackintosh e o artista Herbert MacNair, juntas dos quais formam o grupo "The Four" da Escola de Glasgow.

  • 1894 - Participa da primeira exposição das obras do grupo. Seu estilo de vanguarda chama a atenção do público e traz notoriedade ao "The Four", mas suas obras são ridicularizadas por seu estilo ‘fantasmagórico’, rendendo-lhes a alcunha de ”Spook School”. No mesmo ano, abre com sua irmã um estúdio de design onde trabalham com diversas formas de arte.

  • 1895 - Tem duas de suas pinturas e duas de sua irmã publicadas no livro Yellow Book de Aubrey Beardsley.

  • 1899 - Casa-se com Herbert MacNair e, juntos, mudam-se para Liverpool. O casal passa a trabalhar em conjunto produzindo aquarelas e realizando design de interiores.

  • 1902 - Exibe uma sala de escrita para mulheres na Primeira Exposição Internacional de Arte Moderna Decorativa em Turin, junto de seu marido. Logo após, Frances começa a lecionar arte e a trabalhar com jóias, peças esmaltadas e tecidos.

  • 1905 - A Escola de Arquitetura e Arte Aplicada, onde Herbert MacNair leciona, é fechada, iniciando um processo de declínio na carreira do casal.

  • 1909 - Com os negócios da família indo de mal a pior, retorna para Glasgow com seu marido após perderem a maior parte de seu dinheiro.

  • 1921 - Morre aos 48 anos em Glasgow, na Escócia.

MCNAIR, James Herbert
(James Herbert Mcnair)

 1868 - 1955
 CRONOLOGIA: 
  • 1868 - Nasce em Glasgow, na Escócia.

  • 1888 - Entre 1888 e 1895 recebe treinamento em Arquitetura na firma Honeyman & Keppie, onde conhece Charles Rennie MacKintosh, de quem se torna amigo.

  • 1895 - Tem posters, trabalhos de arte decorativa e de mobiliário expostos no Salon de l’Art Nouveau, em Paris.

  • 1898 - Nomeado professor de Design na School of Architecture and Applied Art, em Liverpool.

  • 1899 - Casa-se com Frances MacDonald, que vai viver com ele em Liverpool.

  • 1902 - Projeta o Writing Room para o pavilhão escocês da Esposizione Internazionale d’Arte Decorativa Moderna, em Turim.

  • 1902 - Tem o projeto do interior de sua casa em Liverpool publicado na The Studio Magazine.

  • 1905 - Com o fechamento da Escola de Arquitetura e Artes Aplicadas, e com a perda da fortuna familiar, encontra-se em apuros. Sua obra começa a declinar.

  • 1909 - Volta para Glasgow onde enfrenta dificuldades para encontrar emprego.

  • 1911 - Aos poucos, vai parando de produzir: não se conhece nenhum de seus trabalhos após esta data.

  • 1921 - Abalado com a morte da esposa, Frances MacDonald, destrói a maior parte das obras dela, bem como as suas e se muda para a cidade de Argyll, no oeste da Escócia.

  • 1955 - Morre, em Argyll, aos 86 anos.

KING, Jessie M.
(Jessie Marion King)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1875 - Nasce em Bearsden, na Escócia.

  • 1891 - Após uma infância conturbada e pais rigorosos que desencorajaram seu interesse artístico, Jessie começa seu treinamento como professora de Arte na Universidade Queen Margaret, em Glasgow.

  • 1892 - Entra para a Escola de Arte, em Glasgow, onde recebe inúmeros prêmios enquanto aluna.

  • 1898 - Conquista uma medalha de prata por suas ilustrações para o livro A Luz da Ásia, na Competição Nacional em South Kensington.

  • 1899 - Forma-se na Escola de Arte de Glasgow e passa a lecionar Decoração de Livros e Design. É também contratada por uma loja de departamentos na Alemanha, que se interessa por seu trabalho, e lhe pede uma gama de itens "feitos ao novo estilo escocês".

  • 1902 - Viaja pela Alemanha e Itália, e é fortemente inspirada pelos trabalhos de Botticelli. No mesmo ano, recebe medalha de ouro por sua capa para o livro L'Evangile de L'Enfance, na Exposição Internacional de Arte Decorativa Moderna, em Turin, o que a consolida como proeminente ilustradora de livros do movimento de Glasgow.

  • 1903 - Torna-se membro do comitê da Sociedade de Artistas de Glasgow.

  • 1905 - Entra para a Sociedade de Mulheres Artistas de Glasgow. Sua contribuição para o movimento escocês começa a despontar com exposições de sua arte em Londres e, dois anos mais tarde, em Glasgow.

  • 1911 - Abre, juntamente com seu marido, o pintor e designer Ernest Archibald Taylor, o Atelier e Escola de Arte em Sheiling em Paris. Seus trabalhos durante sua estadia na França são considerados de grande influência para a criação do movimento Art Déco.

  • 1920 - Transfere seu Atelier e Escola de Arte para Kirkcudbright, de volta na Escócia, onde estabelece um importante centro para mulheres artistas chamado Green Gate Close, no qual manteve um estúdio próprio para trabalhar com cerâmica.

  • 1924 - Inspirada pelo estilo de arte javanês conhecido como batik, escreve e ilustra o livro Como Cinderela Conseguiu Ir Ao Baile.

  • 1949 - Morre aos 74 anos em Kirkcudbright, na Escócia.

MACDONALD, Margaret
(Margaret MacDonald)

 1865 - 1933
 CRONOLOGIA: 
  • 1864 - Nasce próxima a Wolverhampton, na Inglaterra.

  • 1877 - Entra para uma progressiva escola local, a Orme Girls’ School, onde estuda arte com um pintor da Academia Real.

  • 1890 - Entra na Escola de Arte de Glasgow, onde torna-se amiga de outros estudantes e artistas, dentre eles Jessie Keppie, Agnes Raeburn, Janet Aitken, Katherine Cameron, Charles Rennie Mackintosh e Herbert McNair. O grupo se autodenomina ‘Os Imortais’.

  • 1894 - Começa a expor seus trabalhos junto de sua irmã, a artista Frances Macdonald, e seus dois colegas, os pintores e arquitetos Charles Rennie Mackintosh e Herbert McNair, os quais juntos formam o grupo The Four. Seus trabalhos são ridicularizados pela crítica por suas figuras “fantasmagóricas”, recebendo a alcunha de Spook School.

  • 1895 - Tem duas de suas pinturas e duas de sua irmã publicadas no livro Yellow Book de Aubrey Beardsley.

  • 1896 - Abre um estúdio com sua irmã Frances em Glasgow. Lá produzem os trabalhos mais variados, indo de pinturas a bordados, posters, painéis em metal e vitrais, dentre outros. No final do ano, o grupo The Four envia seus trabalhos para a Exposição de Arts and Crafts em Londres. As críticas não são boas, mas as obras captam o interesse da revista The Studio.

  • 1900 - Casa-se com o pintor arquiteto Charles Rennie Mackintosh. No mesmo ano, o casal expõe um par de painéis de gesso na Oitava Exposição da Secessão Vienense. A partir deste ano, Margaret inicia um período de trabalhos feitos quase exclusivamente em gesso.

  • 1902 - Exibe seus trabalhos na Exposição Internacional de Arte Moderna Decorativa em Turin. Sua contribuição, chamada Rose Boudoir, inclui painéis de metal para um armário desenhado por seu marido, e dois painéis grandes de gesso.

  • 1903 - Trabalha na decoração das Willow Tea Rooms de Miss Cranston com Charles Rennie.

  • 1909 - Completa seus últimos painéis de gesso, chamados The Four Queens, eles representam as rainhas dos quatro naipes d baralho, e têm um estilo mais angular do que seus painéis anteriores.

  • 1921 - Morre sua irmã Frances Macdonald, um possível suicídio. Com a grande perda, Margaret pinta duas extraordinárias obras intituladas La Morte Parfumee e The Legend of the Blackthorns.

  • 1933 - Morre aos 68 anos em Londres, na Inglaterra.

MORRIS, Talwin
(Talwin Morris)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1865 - Nasce em Winchester, na Inglaterra.

  • 1880 - Começa a trabalhar como aprendiz no estúdio de Arquitetura de seu tio, Joseph Morris, em Reading, onde permanece por cinco anos. Durante esse tempo, desenvolve seu interesse pelo design de móveis e interiores.

  • 1885 - Ganha um prêmio da Sociedade de Arqueologia e Arquitetura de Berkshire. Após o término de seu aprendizado, muda-se para Londres onde começa a trabalhar com o arquiteto James Martin Brooks.

  • 1891 - Assume o posto de sub-editor de arte na revista semanal Black and White, da editora Cassell, contribuindo com ilustrações e letras capitulares.

  • 1893 - Muda-se para Glasgow, na Escócia, para atuar como Diretor de Arte na prestigiada editora Blackie and Son, onde trabalha com o design de capas de livros e também conhece e torna-se amigo de artistas e designers da Escola de Arte de Glasgow.

  • 1896 - Exibe três de seus designs de capa para os livros The Universe, English Essays e Daddy Samuel's Darling, na Quinta Exposição da Sociedade de Arts & Crafts. Morris torna-se, então, uma figura influente no design de livros por seu estilo moderno e próximo do Art Nouveau.

  • 1900 - Junta-se ao arquiteto e designer Charles Rennie Mackintosh e outros artistas para expor seus trabalhos na Oitava Exposição da Secessão Vienense. No entanto, suas obras são postas e uma sala distante da dos artistas de Glasgow.

  • 1902 - Com habilidades também nas áreas do design de jóias de metal e de móveis, exibe seu trabalho na exposição de artes britânicas no Museu de Artes Aplicadas em Budapeste. No mesmo ano, seu trabalho é escolhido junto aos de outros artistas, para ser exposto na Primeira Exposição Internacional de Arte Decorativa Moderna em Turin.

  • 1906 - Cria uma capa para a influente revista alemã Dekorative Kunst.

  • 1909 - Devido a problemas de saúde, Morris aposenta-se de seu trabalho na Blackie and Son.

  • 1911 - Morre aos 45 anos em Bowling, na Escócia.

DEWAR, De Courcy L.
(De Courcy Lewthwaite Dewar)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1878 - Nasce em Kandy, no Sri Lanka.

  • 1891 - Entra para a Escola de Arte de Glasgow, tornando-se proficiente em inúmeras áreas.

  • 1899 - Duas de suas criações - expostas na Exposição do Clube da Escola de Arte - recebem destaque na revista The Studio, que avalia seu candelabro e sua caixa de jóias de metal como "peças de design e execução excelentes, dignas de estudo".

  • 1900 - Começa a lecionar esmaltagem e design em metais na Escola de Arte de Glasgow, posto que mantém durante quase trinta anos. No mesmo ano, abre um estúdio próprio na cidade para seus trabalhos independentes.

  • 1902 - Exibe uma de suas peças - um painel esmaltado - na Exposição Internacional de Arte Decorativa, em Turin, ao lado das obras de grandes artistas de Glasgow, como os Mackintosh, e os MacNair.

  • 1903 - Demite-se da Escola de Arte de Glasgow após ter seu pedido de aumento de salário negado. Após uma discussão, o diretor Fra Newbery decide levar seu pedido de aumento aos governantes, fazendo-a voltar atrás na demissão, ainda que descontente.

  • 1909 - Um artigo na revista The Studio sobre seu trabalho variado a coloca entre os melhores artistas de sua época.

  • 1924 - Pinta um dos vinte e três painéis para o Forestry Hall da Exposição de Wembley, na Inglaterra. Seu trabalho é bem recebido pela crítica.

  • 1935 - Ganha o Prêmio Lauder da Sociedade de Mulheres Artistas com uma caixa de jóias feita em zinco e prata, destacada como um exemplo de bom design no livro Design Aplicado em Metais Preciosos de Peter Davidson.

  • 1950 - Publica a história da Sociedade das Mulheres Artistas, da qual é a presidente. Seus diários bem cuidados e suas cartas oferecem um raro olhar sobre a vida de uma mulher designer na época do Movimento de Glasgow.

  • 1959 - Morre aos 81 anos em Glasgow, na Escócia.

WALTON, Edward
(Edward Arthur Walton)

ATUAÇÃO: Pintor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1860 - Nasce em Renfrewshire, na Escócia.

  • 1880 - Passa a expor seus trabalhos com os Glasgow Boys, no Instituto Real de Belas Artes em Edinburgh, na Academia Real Escocesa.

  • 1883 - Pinta uma série de aquarelas em Helensburgh, representando o subúrbio e seus habitantes. Esta série torna-se conhecida como um dos mais marcantes trabalhos do Movimento de Glasgow por sua clareza, cores e forte senso decorativo.

  • 1885 - Pinta A Daydream, sua última grande pintura realista, antes de se dedicar ao estilo mais subjetivo de James Whistler.

  • 1886 - Pinta A Herd Boy, uma de suas mais famosas aquarelas, e também responsável por estabelecer sua reputação pela Europa.

  • 1889 - Reconhecido como um dos mais notórios pintores do estilo de Glasgow, é eleito associado da Academia Real Escocesa.

  • 1890 - Expõe algumas de suas pinturas na segunda Exposição Internacional de Arte em Munique, dentre elas a aquarela A Herd Boy, com a qual conquista uma medalha de ouro.

  • 1894 - Muda-se de Glasgow para Londres, onde mora próximo ao pintor - e inspiração para os Glasgow Boys - James Whistler. Durante sua estadia na Inglaterra, passa muitos verões em Suffolk, onde produz boa part de suas belas obras pastorais em óleo e aquarela.

  • 1904 - Retorna para a Escócia com sua família e passa a dedicar-se à pintura de retratos. No ano seguinte é finalmente eleito membro oficial da Academia Real Escocesa.

  • 1915 - Torna-se presidente da Sociedade Real de Aquarela da Escócia.

  • 1922 - Morre aos 62 anos em Edinburgh, na Escócia.

NEWBERY, Fra
(Francis Henry Newbery)

ATUAÇÕES: Professor(a), Pintor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1855 - Nasce em Devon, na Inglaterra.

  • 1871 - Entra para a Escola de Arte de Bridport, onde atua como assistente do diretor.

  • 1875 - É nomeado Mestre de Arte de uma escola secundária em Londres, onde trabalha durante alguns anos.

  • 1882 - Recebe uma bolsa de estudos para se tornar um Mestre de Arte em Treinamento na Universidade Real de Arte da Inglaterra.

  • 1885 - Torna-se o diretor da Escola de Arte de Glasgow. Sob sua influência e liderança inovadora, a escola torna-se amplamente reconhecida e respeitada internacionalmente.

  • 1897 - Começa a trabalhar ao lado do artista e arquiteto Charles Rennie Mackintosh no projeto do novo prédio para abrigar a Escola de Arte de Glasgow. Sua construção dura doze anos e o prédio é considerado a obra prima arquitetônica de Mackintosh.

  • 1902 - É designado Curador da Ala Escocesa na Exposição Internacional de Arte Decorativa Moderna, em Turin, para tanto escolhendo CHarles Rennie Mackintosh como seu arquiteto.

  • 1917 - Deixa o posto de diretor da Escola de Arte de Glasgow por motivos de saúde, retornando com usa esposa, a designer e artista Jessie Newbery, para a Inglaterra.

  • 1921 - Monta seu estúdio particular em uma capela, que compra junto de outras construções em um pátio, em Dorset, onde pretende passar o resto de seus anos pintando.

  • 1923 - Trabalha em um projeto ambicioso de decoração da prefeitura de Bridport. Para este projeto que dura quatro anos, doa uma série de suas pinturas sobre a cidade e sua herança industrial.

  • 1946 - Morre, aos 91 anos, em Dorset na Inglaterra.

HENRY, George
(George Henry)

ATUAÇÃO: Pintor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1858 - Nasce em Ayrshire, na Escócia.

  • 1880 - Estuda na Escola de Arte de Glasgow, onde demonstra talento para pinturas naturalistas e de cores vibrantes. Atende informalmente às aulas do pintor paisagista William York Macgregor, em seu estúdio da Rua Bath.

  • 1885 - Conhece o artista Edward Atkinson Hornel, de quem rapidamente se torna grande amigo. Henry logo o introduz aos Glasgow Boys, e ambos artistas passam a trabalhar mais próximos, treinando juntos e colaborando em obras.

  • 1889 - Pinta sua obra mais famosa e controversa, intitulada Uma Paisagem de Galloway, sendo vista por muitas como 'o trabalho mais próximo a uma obra-prima já pintado por uns dos Glasgow Boys, e por outros como apenas medíocre.

  • 1890 - Começa a trabalhar em obras colaborativas com Edward Hornel. Logo completam a ousada pintura Druidas Trazendo Visco, utilizando gesso esculpido e folhas de ouro na criação da decoração.

  • 1893 - Viaja para o Japão com HOrnel, onde passam um ano e meio estudando a arte local. O aprendizado influencia sua arte.

  • 1899 - É convidado - junto de outros grandes artistas escoceses como o casal Macdonald, Fra Newbery e Edward Atkinson Hornel - para expor suas obras na Exposição da Sociedade Internacional de Escultores, Pintores e Entalhadores, conhecida como o 'Jubileu de '48'.

  • 1900 - Abre um estúdio próprio em LOndres, onde passa a se dedicar quase exclusivamente a fazer retratos. Atividade que, apesar de distante de seu estilo vibrante e naturalista, mostra-se mais rentável.

  • 1902 - É eleito membro da Academia Real da Escócia e, mais tarde, também apontado como sócio da Academia Real de Arte da Inglaterra.

  • 1943 - Morre aos 85 anos em Londres, na Inglaterra.

GUTHRIE, James
(James Guthrie)

ATUAÇÃO: Pintor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1859 - Nasce em Greenock, na Escócia.

  • 1877 - Abandona os estudos em Direito para entrar na Escola de Arte de Glasgow.

  • 1880 - Torna-se membro do prestigiado Clube de Arte de Glasgow.

  • 1883 - É considerado uma das figuras centrais do grupo de artistas que mais tarde seria conhecido como os Glasgow Boys. Pinta, neste ano, uma de suas mais famosas obras, intitulada A Hind's Daughter.

  • 1885 - Ao lado de Joseph Crawhall, George Henry, Edward Walton, William Macgregor e outros artistas dos Glasgow Boys, exibe seus trabalhos na primeira exposição do grupo. No mesmo ano, começa a trabalhar com retratos.

  • 1886 - Pinta o quadro In The Orchard, considerado uma das obras-primas chave da história da arte escocesa de sua época.

  • 1888 - Tem seu trabalho reconhecido e é eleito associado da Academia Real Escocesa.

  • 1892 - Torna-se membro oficial da Academia Real Escocesa.

  • 1898 - Toma parte do comitê que se torna a Sociedade Internacional de Escultores, Pintores e Entalhadores, cuja presidência foi assumida pelo artista James McNeill Whistler.

  • 1902 - Um dos mais proeminentes artistas escoceses de seu tempo, e um dos fundadores do grupo dos Glasgow Boys, toma o posto de presidente da Academia Real Escocesa, no lugar do pintor Sir George Reid.

  • 1919 - Recebe uma encomenda do Baronete Sir Abraham Bailey, da África do Sul, para pintar um retrato em grupo de 17 políticos britânicos. A pintura leva onze anos para ficar pronta.

  • 1930 - Morre aos 71 anos em Dunbartonshire, na Escócia.

NEWBERY, Jessie W.
(Jessie Wylie Newbery)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1864 - Nasce em Paisley, na Escócia.

  • 1882 - Uma visita à Itália estimula seu interesse pela decoração têxtil e outras artes decorativas como o mosaico e a cerâmica.

  • 1884 - Entra para a Escola de Arte de Glasgow, onde estuda por quatro anos.

  • 1889 - Casa-se com o pintor e diretor da Escola de Arte de Glasgow, Francis Newbery.

  • 1890 - Ganha uma medalha de bronze em um concurso em South Kensington por seu design Tempestas para um vitral.

  • 1893 - Exibe algumas de suas obras, dentre elas um cálice de prata e um prato de metal moldado, na Quarta Exposição da Sociedade de Arts & Crafts.

  • 1894 - Cria, junto a seu marido, o Departamento de Bordado na Escola de Arte de Glasgow e é apontada como chefe do mesmo. Seu talento, forte senso de design e incentivo pelo trabalho de seus alunos ajudam a elevar o status do bordado como uma forma de arte criativa.

  • 1900 - Seu departamento ganha notoriedade entre outas formas de arte e seus trabalhos e de seus alunos são regularmente expostos na revista britânica The Studio.

  • 1901 - Em uma avaliação da Exposição Internacional de Glasgow, seu trabalho é citado como sendo 'digno de estudo em virtude do bom design e acabamento excelente'.

  • 1902 - Tem suas obras e a de seus alunos exibidas na Exposição Internacional de Arte Decorativa Moderna, em Turin.

  • 1903 - Suas padronagens para roupas e bordados aparecem na influente revista alemã Moderne Stickereien. Lá se afirma que a 'Rosa de Glasgow', um dos mais notórios símbolos do Glasgow Style, foi criada e difundida por seus bordados, antes de ser amplamente utilizada por Charles Rennie Mackintosh.

  • 1907 - O Departamento de Educação Escocês autoriza a direção da Escola de Arte de Glasgow a certificar o curso de Costura e Bordado Artístico, elevando ainda mais o prestígio do Departamento de Bordado chefiado por Jessie Newbery.

  • 1908 - Aposenta-se do Departamento de Bordado por problemas de saúde, mas continua seu trabalho com bordado.

  • 1914 - Exibe seus trabalhos junto da Guilda Escocesa de Artes Manuais na Exposição de Artes Decorativas da Grã-Bretanha, no museu do Louvre, em Paris.

  • 1916 - Colabora com a organização e com a montagem da importante exposição 'Bordado e Costura Antiga e Moderna'.

  • 1918 - Com a aposentadoria de seu marido mudam-se para Dorset onde permanecem pelo resto de suas vidas.

  • 1948 - Morre aos 83 anos em Dorset, na Escócia.

Ooops!
Não encontramos resultados
com essa pesquisa.