Dicionário Aegis de Design

(Resultado para Owen Jones e suas conexões)

  • Owen Jones

    PersonagensAcessar
  • Movimento Estético

    MovimentosAcessar
  • Archibald Knox

    PersonagensAcessar
  • Aubrey Beardsley

    PersonagensAcessar
  • Christopher Dresser

    PersonagensAcessar
  • James Abbott McNeill Whistler

    PersonagensAcessar
  • Louis Comfort Tiffany

    PersonagensAcessar
  • Christian e Gustave Herter

    PersonagensAcessar
  • Dante Gabriel Rossetti

    PersonagensAcessar

JONES, Owen
(Owen Jones)

 1809 - 1874
 CRONOLOGIA: 
  • 1809 - Nasce em Londres, Inglaterra

  • 1825 - Começa a estagiar para o arquiteto Lewis Vulliamy

  • 1829 - Começa seus estudos em arquitetura na Academia Real

  • 1832 - Após se formar na Academia Real, embarca em seu Grande Tour para estudar a policromia na antiga arquitetura grega. Passa pela Itália, Grécia, Egito, Turquia e finalmente chega à Espanha acompanhado de Jules Goury, onde juntos estudam a decoração islâmica de Alhambra

  • 1836 - Começa a publicar o fruto de seus estudos chamado Plans, Elevations, Sections and Details of the Alhambra, dividido em 12 partes. Leva quase dez anos para lançar todas.

  • 1851 - É encarregado da decoração e disposição das obras e exibições na Grande Exposição de 1851

  • 1854 - Fica responsável, justamente de Matthew Digby Wyatt, pela decoração e organização do Palácio de Cristal em Sydenham, onde criam uma série de Quadras de Belas Artes que levariam os visitantes em uma jornada através da história do design e da ornamentação

  • 1856 - Publica sua mais famosa obra, o livro A Gramática do Ornamento

  • 1864 - Por seus conhecimentos de arte moura e árabe, é contratado para desenhar os interiores do palácio do Vice-rei do Egito, Ismail Pasha, no Cairo, no que Jones descreve como "O maior triunfo de sua vida"

  • 1874 - Morre aos 65 anos, em Londres, Inglaterra.

Movimento Estético
(Movimento Estético)

KNOX, Archibald
(Archibald Knox)

 1864 - 1933
 CRONOLOGIA: 
  • 1864 - Nasce Archibald, quinto filho da família Knox, na Ilha de Man, Reino Unido.

  • 1878 - Inicia seus estudos na Douglas School of Art.

  • 1884 - Começa a atuar como professor na Douglas School of Art.

  • 1892 - Especialista em ornamentos celtas, é premiado em um concurso de design de ornamentos históricos.

  • 1893 - Publica Ancient crosses in the Isle of Man na revista The Builder.

  • 1896 - Publica Isle of Man as a Sketching Ground, na prestigiosa revista The Studio.

  • 1897 - Aproxima-se, provavelmente nesta data, da Liberty & Co. que comercializa suas criações sem lhe dar crédito.

  • 1899 - A Liberty & Co. participa da Arts & Crafts Exhibition. Muitos dos produtos exibidos são criações (anônimas) de Knox.

  • 1900 - Começa a lecionar na recém aberta Kingston School of Art.

  • 1902 - Introduz a linha céltica de produtos na Liberty & Co., sendo um dos principais expoentes do Renascimento Celta.

  • 1903 - A Liberty & Co. participa da Arts & Crafts Exhibition com diversos produtos de Knox. Está no auge de sua carreira.

  • 1912 - Renuncia ao posto de professor da Kingston School of Art após críticas a seu método de ensino. Seus alunos abandonam a escola em protesto e fundam a Knox Guild of Craft & Design.

  • 1912 - Deixa a Inglaterra e vai tentar a sorte na Filadélfia, nos Estados Unidos.

  • 1913 - Projeta tapetes para a Bromley & Co., firma da Filadélfia e ensina na Pensilvânia. Mas, incapaz de obter um bom posto nos Estados Unidos, regressa para a Ilha de Man.

  • 1933 - Morre na Ilha de Man aos 69 anos. Em sua lápide, a inscrição: "Archibald Knox, Artista, humilde servo do Senhor no sacerdócio do Belo".

BEARDSLEY, Aubrey
(Aubrey Beardsley)

ATUAÇÃO: Ilustrador(a)
 Parece existir em sua obra um espírito curioso, bizarro, que evoca o Japão, algo de sortilégio e de grotesco, tal como o sonho provocado pelo ópio."
CRANE, Walter. Apud DEMPSEY, Amy. [2003]
Estilos, escolas e movimentos.
São Paulo, Cosac Naify.
 CRONOLOGIA: 
  • 1872 - Nasce em Brighton, na Inglaterra.

  • 1883 - Ganha reconhecimento muito cedo ao participar de concertos de piano com a irmã Mabel, tendo apenas 11 anos de idade.

  • 1885 - Começa a esboçar seus primeiros desenhos e caricaturas que são divulgados pelo jornal de sua escola, o Bristol Grammar School Past and Present.

  • 1885 - Descobre o amor pelo teatro. Escreve sua primeira peça na qual contracena com seus colegas de escola.

  • 1888 - Vai trabalhar em um escritório de arquitetura e, depois, na firma de seguros Guardian Life and Fire Insurance Company.

  • 1891 - Aconselhado por Sir Edward Burne-Jones e por Pierre Puvis de Chavannes, começa a encarar a arte como profissão.

  • 1892 - Inscreve-se nos cursos da Westminster School of Art. Começa a criar as ilustrações para Le Morte d'Arthur, de Sir Thomas Malory.

  • 1893 - Faz a primeira apresentação de suas ilustrações no The Journal.

  • 1894 - Ilustra o livro Salomé, de Oscar Wilde, seu amigo íntimo.

  • 1894 - Ajuda a fundar a revista The Yellow Book, onde começa a trabalhar como Editor de Arte.

  • 1895 - É afastado injustamente do cargo de editor do The Yellow Book. Trabalha, sucessivamente, para as revistas The Savoy e The Studio.

  • 1896 - Faz ilustrações satíricas para uma publicação do livro Les Liaisons Dangereuses, de Chordelos de Laclos.

  • 1896 - Ganha notoriedade com a publicação de The Rape of the Lock. Divulga sua polêmica ilustração de Lysistrata, de Aristófanes.

  • 1897 - Com o agravamento de seu estado de saúde – e com medo da morte -, converte-se ao Catolicismo e ordena a seu Editor que queime todos os seus trabalhos profanos, (no que é desobedecido).

  • 1898 - Morre precocemente aos 25 anos, vítima de tuberculose, em Menton, França.

DRESSER, Christopher
(Christopher Dresser)

ATUAÇÕES: Designer, Teórica(o)
 Chistopher Dresser foi um Vitoriano de origem humilde que rompeu as fronteiras dos privilégios de classe para reivindicar seu lugar como o primeiro designer da era industrial a ter o lar como prioridade. A mensagem de Dresser era de que bens baratos e acessíveis não precisavam ser feios."

LYONS, Harry. [2005]
Christopher Dresser: The People's Designer.
London, Antique Collectors' Club.
 CRONOLOGIA: 
  • 1834 - Nasce em Glasgow, Escócia.

  • 1847 - Começa a estudar na Government School of Design em Londres, onde conhece artistas notáveis da época como Henry Cole, Richard Redgrave e seu mentor, Owen Jones

  • 1854 - Começa a lecionar botânica na Government School of Design

  • 1856 - Contribui com a placa XCVIII para a famosa publicação A Gramática do Ornamento de Owen Jones e seguiu estudando sobre botânica, chegando a publicar livros do assunto

  • 1859 - Recebe um doutorado no campo de botânica da Universidade de Jena, Alemanha por suas contribuições

  • 1860 - Abre um estúdio de design

  • 1862 - Publica um manifesto de design chamado A Arte do Design Decorativo; expõe seus trabalhos na Exibição Internacional de Londres

  • 1876 - Se torna o primeiro designer europeu a ser enviado ao Japão pelo governo britânico levando um presente para o recém-inaugurado Museu Nacional em Tokyo. Lá aprofunda seu conhecimento e interesse pelas formas e arte japonesa e aprende novas técnicas de manufatura e criação

  • 1880 - Abre sua Art Furnishers' Alliance no centro do distrito de luxo em Londres, próxima a outras grandes companias como Morris & Co., Liberty's, The Fine Art Society e a Grosvernor Gallery

  • 1883 - A compania de Dresser fecha devido a problemas financeiros e sua saúde declinante

  • 1904 - Morre aos 70 anos, em Mulhouse, França

WHISTLER, James
(James Abbott McNeill Whistler)

ATUAÇÃO: Pintor(a)
 
 CRONOLOGIA: 
  • 1834 - Nasce em Massachusetts, EUA.

  • 1842 - Se muda com sua família para São Petersburgo, Russia, a pedido do Tsar Nicholas I, para que seu pai construa uma ferrovia de São Petersburgo a Moscou. Começa suas aulas particulares de desenho.

  • 1845 - Entra na Academia Imperial de Belas Artes onde conhece vários artistas mais velhos e tira notas exemplares em anatomia.

  • 1855 - Se muda para Paris para seguir definitivamente com sua carreira artística, e estuda arte tradicional por algum tempo na Escola Imperial e no ateliê de Marc-Charles-Gabriel Gleyre. Deste último, Whistler aprende dois princípios que leva para o resto de sua carreira: “a linha é mais importante a cor”

  • 1858 - Whistler viaja pela França e mais tarde produz uma série de gravuras chamada “Twelve Etchings From Nature” com a ajuda de Auguste Delâtre. Através de seu amigo Henri Fantin-Latour, entra para o círculo social de Gustave Courbet, que envolvia também nomes como Édouard Manet e Charles Baudelaire. Pint

  • 1859 - Suas gravuras são aceitas no 91º Salão da Royal Academy de Londres e fazem muito sucesso, motivando o artista a se mudar para Londres.

  • 1861 - Whistler retorna a Paris, onde pinta seu primeiro quadro famoso, Symphony in White, No. 1: The White Girl. Embora fosse apenas um estudo de cor, a pintura recebeu as mais variadas críticas e interpretações. Rejeitado para exibição na conservadora Academia Real, a obra é exposta em uma galeria partic

  • 1871 - Pinta sua mais famosa obra, Arrangement in Grey and Black No.1, um retrato de sua mãe que é comum e incorretamente chamado de Whistler’s Mother. Sua recepção foi controversa, indo desde reações muito positivas a sátiras e ridicularização. Foi apenas na Feira Internacional de Chicago que o quadro foi

  • 1877 - Realiza sua obra-prima em decoração de interiores, com a Peacock Room, considerada uma das mais altas referências para o estilo Anglo-Japonês. No mesmo ano, processa John Ruskin por difamação ao ter sua pintura Nocturne In Black And Gold: The Falling Rocket duramente criticada pelo mesmo.

  • 1903 - Morre aos 69 anos em Londres, Inglaterra.

TIFFANY, Louis Comfort
(Louis Comfort Tiffany)

 1848 - 1933
 CRONOLOGIA: 
  • 1848 - Nasce em Nova York, nos EUA.

  • 1866 - Volta para Nova York após se formar na Eagleswood Military Academy, em New Jersey, e inicia seus estudos de pintura sob a tutela de George Inness.

  • 1870 - Visita a Europa e o Norte da África, primeiro na companhia do artista Robert Swain Gifford; e depois com Gifford e seu amigo, também artista, Samuel Colman no inverno seguinte.

  • 1871 - Torna-se membro associado da National Academy of Design.

  • 1879 - Junta-se a Candace Wheeler, Samuel Colman e Lockwood de Forest, para fundar a Louis Comfort Tiffany and Associated American Artists.

  • 1881 - Faz a decoração de interior da Mark Twain House, em Hartford, Connecticut.

  • 1882 - É contratado, a pedido do então presidente Chester A. Arthur, para fazer a decoração de ambientes da White House.

  • 1885 - Registra a empresa Tiffany Glass and Decorating Company, posteriormente conhecida como Tiffany Studios.

  • 1893 - Monta uma nova fábrica chamada Stourbridge Glass Company (posteriormente conhecida como Tiffany Glass Furnaces) localizada em Corona, Queens, Nova York.

  • 1895 - Suas obras são exibidas na galeria de Samuel Bing, L'Art Nouveau, em Paris.

  • 1900 - Expõe seus vitrais The Four Seasons, (que lhe rendem uma medalha de ouro) na Exposition Universelle, em Paris.

  • 1902 - Torna-se Diretor de Arte da Tiffany & Co., empresa de joias fundada por seu pai, Charles Lewis Tiffany.

  • 1918 - Funda a Louis Comfort Tiffany Foundation, um retiro de verão para jovens artistas e artesãos, que funcionaria em sua casa, Laurelton Hall, em Long Island, NY.

  • 1933 - Morre aos 84 anos em Nova York, nos EUA.

HERTER, (irmãos)
(Christian e Gustave Herter)

ATUAÇÕES: Designer, Decorador(a)
 1895 - 1966
 CRONOLOGIA: 
  • 1830 - Nasce Gustave, em Stuttgart, Alemanha.

  • 1839 - Nasce Christian, em Stuttgart, Alemanha.

  • 1848 - Gustave se muda para Nova York e começa a trabalhar por conta própria, seguindo os passos de seu pai, um habilidoso marceneiro.

  • 1853 - Gustave ganha notoriedade ao expor um belíssimo aparador entalhado em madeira no Palácio de Cristal.

  • 1859 - Christian, também tendo estudado a arte do pai, se muda para Nova York onde começa a trabalhar com seu irmão.

  • 1864 - Mudam o nome de sua empresa para "Irmãos Herter". A mesma se torna lider no mercado de decoração de interiores e mobiliário, atendendo aos novos gostos de ricos americanos.

  • 1868 - Decoram o interior de várias salas e galerias do Museu Mansão Lockwood-Mathews em Connecticut.

  • 1869 - Decoram o Salão Vermelho da Casa Branca durante o mandato do presidente americano Ulysses S. Grant.

  • 1870 - Gustave deixa a empresa e volta para a Alemanha, passando a administração da Irmãos Herter para as mãos de Christian.

  • 1879 - Christian decora o interior da mansão do executivo William Vanderbilt na Quinta Avenida.

  • 1881 - Christian se aposenta e se muda para Paris, onde passa a se dedicar a pintura. Pouco tempo depois, retorna a Nova York.

  • 1883 - Christian morre aos 44 anos em Nova York, Estados Unidos.

  • 1892 - Gustave volta para Nova York.

  • 1898 - Gustave morre aos 68 anos em Nova York, Estados Unidos.

ROSSETTI, Dante Gabriel
(Dante Gabriel Rossetti)

 
 CRONOLOGIA: 
  • 1828 - Nasce em Londres, Inglaterra.

  • 1841 - Entra para a Academia de Desenho de Henry Sass, onde fica por pouco tempo. Logo após entrando para a Academia Real.

  • 1848 - Deixa a Academia Real para estudar sob a tutela de Ford Madox Brown, de quem vira bom amigo. No mesmo ano, conhece William Holman Hunt e juntos de John Everett Millais, fundam a Irmandade Pré-Rafaelita.

  • 1850 - É lançada a primeira revista de sua irmandade, chamada 'The Germ', contendo um de seus poemas. No mesmo ano, expõe sua pintura intitulada "O Anúncio", que mostra uma jovem Virgem Maria. As duras críticas recebidas o fazem se retrair e, a partir de então, raramente expor suas obras.

  • 1855 - Após anos se dedicando a traduzir poesia italiana, tem sua primeira ilustração publicada. Chamada "As Damas de Elfen-Mere", acompanha um poema de William Allingham.

  • 1856 - É recrutado por William Morris e Edward Burne-Jones, muito inspirados por sua visão e design medieval, para contribuir na Revista de Oxford e Cambridge sobre arte e poesia.

  • 1861 - Se torna parceiro fundador na firma de artes decorativas Morris, Marshall, Faulkner e Co., contribuindo com designs de vitrais e objetos de decoração.

  • 1870 - Publica a coleção "Poemas por D.G. Rossetti" onde reune vários de seus trabalhos. Dentre eles, a sequência de sonetos chamada "A Casa da Vida", que conta o desenvolvimento físico e espiritual de um relacionamento. É tido como seu trabalho literário mais importante.

  • 1872 - A dura recepção dos críticos em relação a sua coleção de poemas o levam a ter um colapso mental e depressão profunda.

  • 1874 - É retirado da firma de artes decorativas por William Morris. Rossetti se afunda cada vez mais em seu vício em drogas e sua instabilidade mental piora.

  • 1881 - Lança um segundo volume chamado "Baladas e Sonetos" que inclui os sonetos finais da sequência "A Casa da Vida".

  • 1882 - Morre aos 53 anos em Kent, na Inglaterra.

Ooops!
Não encontramos resultados
com essa pesquisa.